quarta-feira, 28 de agosto de 2013

"Vers des frappes chirurgicales sur la Syrie"



O Governo britânico anunciou que iria apresentar, neste 28 de agosto, no Conselho de Segurança da ONU, uma proposta de resolução “condenando o ataque com armas químicas” ordenado pelo [Presidente sírio] Bashar al-Assad e autorizando as medidas necessárias para proteger os civis”, de forma a obter um mandato para uma intervenção militar contra o regime de Damasco.

O recurso à força deve ser autorizado por, pelo menos, nove dos 15 membros do Conselho de Segurança. A Rússia e a China, que têm direito de veto, já manifestaram a sua oposição.


Cartoon de Raymond Burki
Enviar um comentário