segunda-feira, 18 de abril de 2016

1964 nunca mais!



O espetáculo a que ontem se assistiu na Câmara de deputados do Brasil foi para mim um momento de grande tristeza.

Independentemente do resultado, aquilo que vimos foi tudo menos um órgão político e democrático.

Aparentemente estivemos a ver uma votação, mas, na realidade, o que vimos foi um bando de malfeitores, corruptos e fascistas a tentarem fazer um golpe de estado inconstitucional; ninguém argumentou relativamente às acusações de que Dilma Roussef é acusada; pelo contrário, verificou-se um ataque retrógrado aos valores da democracia, com base na família de cada um (netos, filhos, pais, avós, etc.), ataques homofóbicos e racistas e até o elogio aos torturadores da ditadura. Deus foi rei e até houve um deputado que justificou o seu voto pelos maçons.

Uma grande parte dos que declararam estar a lutar contra a corrupção é ré em casos de corrupção e crime, arrogando-se o direito de julgarem quem não está sequer indiciado por crime nenhum.

Mas ainda há esperança. Os brasileiros prometem lutar contra o golpe contra a democracia. Espero que sim. 1964 nunca mais!

Enviar um comentário