segunda-feira, 24 de março de 2014

A CRISE ACADÉMICA DE 1962


A CRISE ACADÉMICA DE 1962

Escreve Ana Albuquerque:

Foi há 52 anos. Vale a pena recordar.

24 de Março de 1962, em plena ditadura.
A Polícia de Choque atacou e carregou forte e feio sobre os estudantes que se manifestavam em Lisboa, o que originou a primeira grande crise académica, a segunda seria sete anos depois, em Coimbra. Pode dizer-se que a crise académica de 1962 constituiu um dos principais momentos de conflito entre os estudantes universitários portugueses e o regime de Salazar.

Colette Magny cantou-os chamando-lhes "les gens de la moyenne".


Enviar um comentário